27.11.11

something about the past#7

Reacções: 
Quanto mais te desejo mais sei que consigo, quanto mais alcanço mais quero viver tudo contigo, quero correr contigo até um mundo sem dor, mostrar-te que nada nem nenhum abismo nos vai separar, quero acordar todos os dias com a tua palavra, ver o dia a tornar-se melhor, esperar o teu abraço para me acalmar, encontro em ti tudo o que nunca havia encontrado, a nossa cumplicidade é inacabável, dá-me a tua mão, não tenhas medo, quero-te mostrar o mundo lá fora, tudo ao nosso redor, os momentos que virão e as palavras que vão ficando, a saudade que nos vai destruindo e ao mesmo tempo fortalecendo, és o brilho nos meus olhos, és o meu grande sorriso, quero ouvir-te dizer que me queres para sempre, quero ficar contigo enquanto o tempo entender, quero alcançar em ti o valor inconfundível que tens em mim, quero deixar o rasto que deixas em mim, preciso de uma resposta certa e de um sorriso constante, preenches os meus sentimentos, quero levar as nossas recordações comigo pelo mundo fora, quero rostos familiares e nada de memórias esquecidas, vamos abstrair-nos da fraqueza e saciar a ingenuidade, o medo de deixar de te ter por vezes apodera-se de mim, mas as tuas palavras chegam para me confortar, aceito as tuas diferenças, que vêm de formas diversas e venero toda a tua autenticidade, sem responsabilidades, sou franca, o teu valor aumenta de dia para dia, por tudo aquilo que me fazes sentir, voilá, abro-me a possibilidades inúmeras, por vezes a saudade persegue-me, uma parte de mim vai sempre pertencer-te, dedico-me exclusivamente a ti, arrisco para que entres e fiques na minha vida, não quero esquecer, quero recordar, és um motivo de orgulho, és o meu tesouro, és cada vez melhor, ao teu lado desaparecem todas as duvidas, emociona-me cada palavra tua e fico sem respostas para dar, vamos sobreviver um ao lado do outro, desfrutar, superar esta saudade que nos percorre a toda a hora e minuto, e eu... eu não te vou querer largar.

Adaptado

Sem comentários:

Enviar um comentário